PERFIL
18/03/2016
Maria Estella Ferreira Chuquel

Em nosso perfil hoje Maria Estella Ferreira Chuquel, nascida no dia 30 de setembro de 1968 em São Borja, filha de Ary Rodrigues Chuquel (in memoriam) e Maria Antônia Ferreira Chuquel. Tem três irmãs Ernestina, Mariluci e Rubia e sete sobrinhos que ama muito.  Viveu ate os 12 anos de idade em Samburá terceiro distrito de São Borja onde fez as séries iniciais na Escola Municipal Olavo Bilac depois na EMEF Osvaldina Batista, na cidade concluiu o ensino fundamental na escola Arneldo Matter e o ensino médio no CESB. Trabalhou desde muito jovem, como babá, cozinheira, doméstica, crediarista, balconista de padaria e há quatorze anos é funcionária pública, trabalha como agente comunitária da micro área 28 do ESF 10 da Vila Cabeleira, conta que ama seu trabalho, que cada uma família que visita é como se fosse a sua própria família, cada criança que viu nascer e crescer é como se fossem um pouco suas.Aprendeu com seu pai que honestidade, confiança e trabalho são a base de tudo na vida e tudo que se faz com carinho nunca será em vão, tudo na vida é aprendizado.

Em 1990 conheceu seu companheiro, amigo e esposo Nery Rodrigues que com a graça de Deus construíram uma família que ama muito. Em 1992 teve o primeiro  dos quatro maiores presentes de Deus. Segundo ela, seu filho Marco Antônio, em 1995 sua filha Lorena Paola, em 2002 Júlio Cesar e em 2003  o bebê da casa João Lorenço, já em 2012 teve o melhor presente que os filhos podem dar aos pais, seu primeiro neto - Lorenzo.

Em 1998 quando foi morar na Vila Umbú se apaixonou pela Pastoral da Criança onde foi voluntaria por 12 anos e também por muitos trabalhos comunitários que fizeram muito bem, na escola dos seus filhos e na associação de moradores.

 Em 2011 realizou outro sonho junto com seu companheiro, amigos, a comunidade e pessoas de vários outros bairros , montaram  uma escola de samba e trouxeram de volta para as ruas de São Borja a cultura popular e alegria do povo – o carnaval. Desde então nos meses de janeiro e fevereiro se esquece de tudo e vive e respira o carnaval e a sua escola, com a graça de deus acredita ela, seus filhos se envolvem em tudo o que  realizam , se sente uma mulher realizada, “não sou rica, nem esbelta mas tenho muitos amigos e uma família que amo muito, sou feliz com a vida que Deus me deu e as escolhas que fiz. Agradeço e peço proteção ao pai eterno todas as manhãs quando acordo para mais um dia de luta. Esta sou eu”, diz Estella.

 

 

 
















 

Table 'jjbetimc_sitiojj.contador' doesn't exist