Notícia

Formalizados perdimento e doação de 10 equinos recolhidos na cidade

13/08/2019

Mesmo com legislação municipal específica em vigor, prevendo multa e apreensão de animais de grande porte soltos pelas ruas, ainda são muitos os equinos em locais proibidos, oferecendo riscos de acidentes. Para dar ideia ao tamanho do problema, em relação a 10 desses cavalos encontrados em situação de abandono, apreendidos e não requisitados por seus proprietários, a Administração Municipal, em poucas semanas, já declarou, formalmente, o perdimento dos animais.
A Secretaria de Infraestrutura, Serviços Urbanos, Segurança e Trânsito teve de montar equipe e adaptar veículo para as operações de recolhimento. “Não significa que estejamos procurando cavalos pela cidade, mas sempre agimos à medida que flagramos situações em desacordo, sobretudo oferecendo riscos à segurança pública”, ressalta a o secretário Edson Damião Ribas.
Em alguns casos, populares levam informações à equipe da Prefeitura. Nas vias que fazem a ligação Centro Passo é que tem sido registrado o maior número de infrações.
Quando um equino é localizado e apreendido em local proibido, é também recolhido a um potreiro localizado junto à Secretaria de Serviços Urbanos, nos acessos à Ponte da Integração. Nesse local, o animal é mantido por até 15 dias. É o tempo estabelecido para que o dono comprove propriedade, pague as multas previstas em lei e retire o animal.
Quando essas providências não são adotadas é então declarado o perdimento do animal. De acordo com a legislação vigente, todos os cavalos não requisitados pelos proprietários são doados à Comunidade Terapêutica Chico Xavier.

Departamento de Comunicação 
Prefeitura Municipal de São Borja
055 3431-4380 - ramal 278 | 055 99600-9915

 


 

Table 'jjbetimc_sitiojj.contador' doesn't exist